Publicado pelo Conselho Nacional
de Justiça (CNJ), a Recomendação n.º 9
dispõe sobre a formação e manutenção
de arquivo de segurança pelas
Serventias Extrajudiciais.
[ Acesse o PDF ]

Para adequar a sua Serventia conforme o Artigo 3º da Recomendação n.º 9 do CNJ, que trata sobre cópias de segurança, apresentamos o VerusBackup.

O VerusBackup é um programa e serviço de backup (cópias de segurança) na modalidade Local (Off Site) utilizando Mídias Removíveis e/ou na modalidade Remoto (Cloud) realizado em Data Center e que têm a finalidade exclusiva de armazenamento.

O backup Local (Off Site) é realizado na Serventia usando Mídias Removíveis conectadas em um computador com acesso ao Servidor na rede local da Serventia, como: HD externo ou Pendrive, com capacidade de memória que suporte o armazenamento de todos os dados copiados, devendo ser mantidos e alternados em várias mídias. Após a cópia finalizada as mídias deverão ser retiradas do computador e mantidas em local seguro fora do espaço físico da Serventia.

O backup Remoto (Cloud) é realizado para Data Center no Brasil e que oferece recursos de armazenamento de dados em larga escala, em um ambiente controlado, com restrição de acesso, para que a Serventia possa ter ao seu alcance uma estrutura de grande capacidade, flexibilidade, alta segurança e igualmente capacitada nos requisitos de hardware e software para processar e armazenar informações. Adequado às normas EIA/TIA 942 (infraestrutura, segurança e disponibilidade de Data Centers).

Os requisitos de implantação é parte integrante do documento “Orientação para a confecção de Backup’s dos sistemas Verus” que está disponível no portal de relacionamento SIGAnSata

A programação para o agendamento do backup deverá ser diário, devendo ser feita em cópia Local, utilizando mídias removíveis e sendo possível também em cópia remota em Data Center. Na hipótese de não ser possível a realização de cópia remota em Data Center, a Serventia não estará em conformidade com a Recomendação 9.

Cópia Local em mídias removíveis
- As mídias removíveis (HD externo, pendrive, etc) após o backup realizado devem ser retirados fisicamente da Serventia logo após utilizado e guardando em local seguro.
- Usar no mínimo 2 (duas) Mídias Removíveis para alternar as cópias. Devendo ser alternado diariamente o uso, sendo o recomendado ter uma Mídia Removível para cada dia da semana e uma para cada mês.
- Deixar uma pessoa responsável pela verificação do Backup, por exemplo, se está sendo realizado com as configurações corretas, em qual pasta está sendo armazenado, qual a periodicidade e etc;

Cópia Remota em Data Center
- Cópia alocada em Data Center confiável e localizado no Território Nacional e com alto nível de segurança;
- Pacote de Dados (Gigabytes) suficiente para armazenar todos os dados;
- O protocolo de comunicação usado no backup remoto deverá ser seguro, oferecendo autenticação e proteção contra eavesdropping (técnica de hacking baseado em violação de confidencialidade) e tampering (interceptação física, do sinal, não dos dados, ocorrida num canal de transmissão);

Outras Recomendações

Sobre a rede da Serventia
- A rede deve ser cabeada com uma taxa mínima de transferência de 100Mbps para melhor desempenho e evitar queda e a perda de dados;
- Não utilizar rede sem fio (wireless) para rodar o sistema, pois a troca de pacotes pelos roteadores poderá apresentar lentidão nas aplicações clientes/servidor;
- Não utilizar HUBS em seu ambiente de rede dar preferência para SWITCHES ou ROTEADORES.
- Em caso de Serventias que possuam redes acima de 20 conexões deve ser utilizado equipamento para o gerenciamento da rede.
- É recomendado o uso de Sistema Operacional original e devidamente licenciado em toda a rede local de computadores, sendo possível no Servidor de Arquivos uso de sistema operacional Linux Versão CentOS ou Debian.

Sobre a latência da rede
- Em uma rede local, bandas da ordem de 100 Mb/s à 1000 Mb/s e latências da ordem de 1ms. Sendo o ideal abaixo de 5ms.

Sobre a latência da internet
- A latência da Internet deve estar com bandas da ordem de 1 Mb/s a 10Mb/s e latências da ordem de 100ms. Usando a lógica, a banda acessada a Internet é 100 vezes menor que a banda de uma rede local e a latência é 100 vezes maior.

Antivírus
- Manter os Computadores, notebooks, tablets e até mesmo smartphones utilizados na Serventia, instalados e configurados programas de Antivírus que ajudam a combater as ameaças virtuais.
- Utilizar antivírus que não seja de avaliação e que esteja sempre atualizado e ativo.

Dados de download e upload
- Conexão com a internet deve ser estável e uma largura de banda de envio de no mínimo 1MB de Upload para o armazenamento do Backup Remoto (Cloud) em Data Center.

Abertura de e-mail e sites
- Redobrar a atenção com e-mails falsos se passando por lojas online ou banco para atrair o usuário a clicar em um link malicioso e assim distribuir o malware. Para evitá-lo, melhore suas configurações de spam e nunca abra um anexo enviado por um e-mail desconhecido;
- Evitar abrir sites desconhecidos e utilizar pendrives de terceiros na rede da Serventia;

Recomendações sobre hardwares e sistemas operacionais podem ser verificados na opção “ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS” na seção “ORIENTAÇÕES” no portal de Relacionamento SIGAnSata



Mantenha a segurança das informações da sua Serventia e dos seus clientes. Caso ainda tenha alguma dúvida entre em contato com a AnSata através da área restrita. Veja em nossos canais uma série de vídeos com as dicas de segurança.

O que é um backup online?
Também conhecido como remoto ou offsite, é um serviço de proteção dos dados que realiza a cópia dos arquivos e pastas do computador para servidores de armazenamento remoto em Data Center. Diferente do backup tradicional Local, em que os arquivos são armazenados em mídias (dvd's, pendrive, hd's externos e outros) o backup online armazena os arquivos em um servidor remoto. Este armazenamento poderá ocorrer em um Data Center conforme o nível de aplicação que poderá ser em Storage (armazenamento) ou Cloud (nuvem).

O que é um Data Center?
É uma “Central de Dados”, onde estão concentrados os equipamentos de processamento e armazenamento de dados de uma organização. É um local seguro, anti-incêndio, geradores de energia extra, anti-furacões, etc.

Onde estão localizados os Data Centers?
Existem Data Centers em diversos países, a AnSata utiliza um Data Center alocado em Território Nacional Brasileiro.

O que é backup em "nuvem (cloud)"?
O armazenamento dos dados poderá ser acessado de qualquer lugar do mundo, a qualquer hora. O acesso aos programas, serviços e arquivos é via remoto, através da internet, por isso o conceito nuvem.

O que é backup em "storage offsite"?
O armazenamento de dados é feito em um Data Center que têm a finalidade exclusiva de armazenar, as pastas e arquivos não estão funcionais e acessíveis de qualquer lugar, sendo o acesso restrito e controlado.
Storage = Armazenamento
OffSite = Fora do Local

Alguns termos e definições:

Data Center – É um Centro de Processamento de Dados (CPD), onde são concentrados computadores servidores para processamento e armazenamento de dados, projetados para serem extremamente seguros e atender a rigorosos padrões internacionais. Sua infraestrutura é de alta segurança física e lógica, asseguradas pelas mais modernas tecnologias e práticas do mercado, todos os servidores encontram-se em salas permanentemente protegidas e monitoradas em todos os seus aspectos, físicos e lógicos, contra quaisquer tipos de acesso indevido. São capazes de processar grande quantidade de informação, com subsistemas de disco de alta disponibilidade e desempenho, redundância de Link de Internet, firewall, monitoramento de temperatura e umidade constante, sistemas inteligentes de para detecção de fumaça e extinção de incêndios, com disponibilidade de geradores de energia de grande capacidade e fonte de alimentação ininterrupta (UPS ou No-Breaks) com redundância.

Backup – Cópia de segurança de dados contidos em um dispositivo de armazenamento (origem) para um outro dispositivo (destino) com a intenção de serem restaurados em caso da perda dos dados originais apagados acidentalmente ou voluntariamente, ou ainda ser forem corrompidos.

Backup Off Site ou Local – Significa que o backup poderá ser realizado na rede local de computadores, sem conexão remota (internet), em um repositório com espaço de armazenamentos digitais disponíveis através de mídias conectadas ao servidor de origem (ex: discos rígidos internos ou externos/removíveis).

Backup Cloud ou Remoto – Significa que o backup poderá ser realizado por meio de uma comunicação através de uma conexão remota (internet) entre um servidor de origem para um repositório com espaço de armazenamento digital disponível em um outro servidor de backup de uso compartilhado mantido em Data Center.

Espaço de armazenamento digital – Podem estar disponíveis em repositórios Local (Off Site) (em mídias locais com acesso disponível em discos rígidos internos e/ou externos/removíveis) ou Remoto (Cloud) (alocado em servidores de backup de uso compartilhado, mantido em Data Center).

Pacote de Espaço – É o tamanho do espaço de armazenamento digital contratado para uso no repositório do servidor no Data Center, este tamanho é medido em gigabytes (GB), escalonados em pacotes múltiplos de 1GB, sendo: 1GB (Gigabyte) corresponde a 1024 MB (MegaBytes), 1 MB corresponde a 1024 KB (Kilobytes), 1KB corresponde a 1024 Bytes.

PCD – Proteção Contínua de Dados, o arquivamento dos dados acontece logo após a sua atualização, realizando o versionamento dos arquivos atualizados. A maioria das ferramentas de backup não possui recursos para copiar os arquivos de maneira contínua. A lacuna entre a realização do último backup e o início do próximo pode resultar na perda irreparável de arquivos do computador.

AES – Advanced Encryption Standard (AES), ou Padrão de Criptografia Avançada, em português, também conhecido por Rijndael, é uma cifra de bloco adotada como padrão de criptografia pelo governo dos Estados Unidos. É um dos algoritmos mais populares usados para criptografia de chave simétrica.

Rede de Computadores – Formada por um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos, interligados por um subsistema de comunicação, ou seja, é quando há pelo menos 2 ou mais computadores e outros dispositivos interligados entre si de modo a poderem compartilhar recursos físicos e lógicos como, switches, hubs, concentradores, roteadores.

Upload ou Carregamento – Transferência de dados de um computador local para outro computador ou para um servidor remoto. A qualidade e tipo de conexão permitem capacidades de uploads variados permitidos através de uma conexão de banda larga, rádio, 3G, WIFI. Upload é diferente de Download que carrega de um servidor ou um computador remoto para o seu computador local.

Mídia Removível – São drives de armazenamento (hardwares com memória) que podem ser removidos do seu aparelho de leitura, conferindo portabilidade para os dados que carrega. Por exemplo: HD externo e Pendrive.

Timeout ou time-out – É um tempo limite predeterminado para espera de um evento. Quanto atingir o timeout é interrompido o processo que estava aguardando, desta forma, o computador interrompe a execução ou a conexão.

VerusBackup     |      Legislação     |      Certificação Digital     |      Digitalização     |      Contato